domingo, 8 de janeiro de 2012

É veneno ou remédio?




Coleiras anti pulgas/carrapatos,banhos com pesticidas e pozinhos envenenados que prometem um efeito “BOPE”(desculpem a brincadeira,mas eu que sou anti violência não poderia deixar passar em branco),Já é rotina na vida de muitos cães graças aos seus proprietários e infelizmente existem muitos profissionais comprometidos com o sistema capitalista que receitam essas bombas.
Eu sou contra e vou já já explicar os meus motivos ok?
Muitos destes produtos para matar pulgas e carrapatos são conhecidos por causar danos aos animais de estimação e têm até muitos pediatras preocupados com seus efeitos sobre os seres humanos, bem como, especialmente para crianças pequenas.
Pesticidas e/ou Reguladores de Crescimento de Insetos:
Existem dois tipos básicos de produtos de tratamento de pulgas, inseticidas e reguladores de crescimento de insetos. Os inseticidas são a preocupação. Muitos produtos, como coleiras anti-pulgas, alguns outros vendidos em pipetas aparentemente não causam dano, e outros para matar as pulgas/carrapatos do ambiente,podem conter diferentes tipos de toxinas, tais como piretrinas, propoxur, ou organofosforados. Estes pesticidas mais freqüentemente trabalham por danificar o sistema nervoso do inseto, neste caso a pulga/carrapato e assim matar o invasor indesejado.
Até aí você vai falar:
__”Ahhh que lindo,é só na pulga e no carrapato meu auau está seguro”.
Será?
Estes pesticidas também nos faz o desfavor de danificar o sistema nervoso dos animais.
__Sério Dona Onça?
Bem sérinho!
Alguns veterinários relatam,principalmente os homeopatas e outros que tratam animais com alternativas naturais que depois de muitos anos usando coleiras anti pulgas/carrapatos,muitos cães idosos apresentam problemas no sistema nervoso central,saiba que não é comum os auaus e minhaus também (resolvi abrir esse espacinho para os felinos rsrsrs),apresentarem sintomas logo no início do uso destas coleiras e banhos com estes pesticidas,isso costuma ser a longo prazo,mas pode ter certeza que alguns animais extremamente sensíveis podem fazer até um edema de glote por reação alérgica e isso,não tem como saber quem vai fazer ou não.
Sei de amigos que perderam seus amigões peludos após algumas horas depois de um banho em pet shop que utilizava carrapaticidas e juravam que não fazia mal ao bicho.
__Ai Dona Onça e como eu fico sabendo se meu cão está tendo um treco,um piripac,um mal súbito depois do uso ou do banho com inseticida?
Olha só,os sintomas podem ser: Letargia,dificuldade de caminhar,salivação excessiva...
Mas não é só nos animais,há que se preocupar também com os humanos e principalmente com as crianças que vivem atracadas nos cangotes dos animais que estão fazendo uso destas coleiras e de banhos com venenos,sabia não?
O “PROPOXUR” pesticida por exemplo,é uma substancia cancerígena ( dá uma olhadinha em (http://insetimax.com.br/insetipedia/propoxur) é perigoso demais,e isso inclui seres humanos.Esse veneno além do que eu já escrevi,ele pode perturbar o sistema endócrino humano.(Tá,imagina teu filhinho e teu animalzinho em contato com essa porcaria).
Proprietários de animais devem ter em mente que a venda de um produto (pesticida) não significa que ele é seguro e não faz mal a saúde.
Observe uma coisa:Tem certos pesticidas que fazem mais mal ao cão do que a própria pulga,veja bem,não que vc deva deixar seu auau com pulga,é apenas um alerta!
Produtos naturais também podem causar alergias aos cães,por isso,todo cuidado é pouco,porém,é mais comum uma alergia de pele que com a suspensão imediata do uso e um anti alérgico prescrito pelo veterinário,tende a desaparecer os sintomas e não chega a um envenenamento.
Leia sempre o rótulo dos produtos.
Fica a dica!
Um grande lambeijo de Morgana e Jamanta!

2 comentários:

Anônimo disse...

concordo com você, eu dei a minha vizinha o biocão pra combater carrapatos e ela levou a veterinária e a medica disse que nao deveria dar o produto pois faria mal ao cão, mas indicou a coleira anticarrapatos(que intoxica), banho com carrapaticida e ivermectina injetável. Isso acontece pq muitos veterinários não buscam estudar mais depois q se formam, é necessário ter uma mente aberta para as novidades da medicina, esse povo para no tempo é uma tristeza.

Anônimo disse...

e claro que a coleira o veterinario que vendeu, a injeçao e o banho deve ter dado la na veterinaria e isso deve ter custado uma nota.........normal isso.normal, a maioria dos veterinarios veem um cao atropelado e nao faz nada se se alguem leva um por que estava abandonado e foi atropelado nenhum faz nada e nao aceita o animal eu ja vi isso. mais vender eles gostam... aff.